Encontro do mar com o rio

Ela se doa, se entrega, se dissipa Como água corrente, se transforma Tenta ser pedra, tenta segurar Mas quando vê, já foi Já é não mais serPede muito por ser muito Não sabe ser pequena, simples Inventa, seduz, deduz que as...

Não guarde o amor pra depois

Não guarde o amor pra depois!Não queira escolher o momento propício, a hora sensata.Não racionalize e divida em pequenas porções e distribua pelos dias esse amor tão recortado, diluído como homeopatia.Placebo não aquieta minha...

ÂNCORA

Hoje eu vou agradecer e só se não fosse esse nó que aconteceu no meu coração ao seu não tinha casa não tinha abrigo amigo, paixão ou marido Minha alma sem a sua é vagar pela rua perdida, sem motivo é ficar a deriva sem...

“Instruções para lavar a alma”

Estes são três poemas exclusivos do novo livro da Clara Baccarin, colunista maravilhosa do De Repente dá Certo.Flor e SerDesculpa eu não poder te oferecer muito Mas é que este ano eu já floresci. E não...

Nefasto

Nefasto Desgasto Rosáceo e púrpura Dançando sobre meu corpo Comprimindo meus orgãos cruéis Infiéis, são meus pedidos Cheios de culpa e desejo Aproveito o ensejo Pra querer mais e mais Nefasto vem até mim Me ensina a ser como você Chifrudo e imponente Sexy e ardente Vermelho e...

A chave da porta da frente

O primeiro gole de cerveja O cochilo no sofá, no meio da tarde Os pés secos depois da chuva O ponto final do texto O último momento antes de entrar no sono O abajur acesso na madrugada A luz refletindo no corpo...

De onde foi que você surgiu que eu não vi?

De onde foi que você surgiu que eu não vi, não notei? Não vi quando chegou, nem quando me achou, nem quando se fez existir. Quando foi que eu te coloquei um significado nesse meu...

Eu e você

Se eu soubesse descrever Sem saber O que é que envelher, casar com alguem Ver o tempo passar além, Passeando pelo seu, pelo meu rosto Me trazendo todo domingo uma xícara de café Eu diria até  logo meu amor, te vejo de noite Eu diria que...

Mulher Lua

Ela é tão forte que se assume sensível. Mulher lua, ora cheia, ora vazia. Segue seus próprios ritmos. Aceita os ritos de início e de morte de seu coração. Enxerga o mundo pela emoção. Pertence...

Ela tem um coração que bate baixinho

Ela tem um coração que bate baixinho, descompassado, porém insistente. No ritmo de um samba triste. Cheio de lirismo e cuidados. Em tudo na vida ela é devagar, porém intensa Nos aprendizados, nos passos, nos sentimentos. Ela toca o...

NOVIDADES